Conheça o Bendita Geni, podcast sobre notícias do mundo LGBT

Na semana passada, postei no Extra! uma sugestão de podcast bem legal, que havia descoberto recentemente e que tem muita utilidade, principalmente pra quem sente falta de mais notícias da comunidade LGBT nos jornais em geral. Muita gente gostou da recomendação e ficou curiosa sobre o tal podcast, então, trouxe pra vocês um resumão do que é o “Bendita Geni”, nas palavras do criador do podcast, o Bruno Nomura. Espero que gostem, que ouçam, que divulguem e principalmente que fiquem ATENTOS! O preconceito não acabou, o perigo ainda existe, precisamos estar sempre ligados nos nossos direitos e segurar, com força, as mãos uns dos outros (menos de alguns).

  • Sobre o podcast, pelas palavras do Bruno Nomura:

“Bendita Geni” vai ao ar de segunda a sexta-feira e já está disponível nas plataformas de podcast e tem como objetivo destacar o que aconteceu de mais importante no universo LGBT em dois minutos: essa é a missão do Bendita Geni, podcast que vai ao ar nas plataformas de segunda a sexta-feira. Fazemos uma curadoria de tudo o que pessoas LGBTs deveriam saber para poderem cobrar seus direitos, sempre com uma pitada de contexto e análise. A ideia do Bendita Geni surgiu da seguinte demanda: “As pessoas têm buscado cada vez menos notícias em veículos de comunicação e acabam recebendo informações fragmentadas. Nossa tarefa é proporcionar uma visão do todo, pensando na informação como um meio de promover a cidadania plena para uma população historicamente marginalizada e invisibilizada.

Os episódios do podcast abordam um pouco de tudo. Para muito além dos casos de LGBTfobia, entre os assuntos frequentes estão histórias que repercutem nas redes sociais, conclusões de pesquisas que envolvem a comunidade e conquistas de personalidades LGBTs. A prioridade é o noticiário nacional, mas informações internacionais relevantes também são abordadas. Depois de meses de desenvolvimento, o Bendita Geni foi lançado oficialmente no final de outubro. Por enquanto, o podcast é um projeto pessoal e não gera retorno financeiro. Não que esse seja o objetivo também. Considero o trabalho um serviço de utilidade pública. No futuro, com o fortalecimento da audiência, planejo ampliar o trabalho, produzindo programas temáticos e entrevistas especiais. Mesmo sem muitos recursos, faço com o maior prazer do mundo porque acredito na importância desse trabalho para a comunidade LGBT.

No site www.benditageni.com você encontra todos os links para ouvir o Bendita Geni na sua plataforma favorita ou, se preferir, pode se cadastrar para receber o podcast diretamente no seu WhatsApp.

  • Sobre o jornalista Bruno Nomura:

Nomura tem um histórico de luta pela causa LGBT por meio da comunicação. Seu trabalho de conclusão de curso em Jornalismo na Universidade Estadual de Londrina (UEL) foi um curta-documentário sobre a LGBTfobia na escola (logo abaixo). Nesse contexto de retrocessos políticos, o jornalista quer continuar trabalhando com a comunidade LGBT. “O Bendita Geni é um podcast feito por uma pessoa LGBT e isso faz muita diferença. Pode não parecer, mas essa é uma ruptura significativa no modo de produzir jornalismo”, pontua.