Festival de Cannes 2015 vai homenagear a atriz Ingrid Bergman

 

O maior festival de cinema do mundo estará realizando a sua 68ª edição do dia 13 até 24 de Maio. Neste ano, o Festival de Cannes vai homenagear a atriz Ingrid Bergman, falecida há 33 anos. Além disso, divulgou a primeira seleção de filmes que participação da competição de 2015.

O festival lançou a carreira de diversos diretores, como Quentin Tarantino e Steven Soderbergh, e neste ano irá ter pela primeira vez, dois diretores no corpo de jurados. Joel e Ethan Coen foram convidados por Pierre Lescure e Thierry Frémaux (Presidente e diretor geral do festival de Cannes, respectivamente) para presidirem o júri da edição desse ano.

Nenhum filme brasileiro ou latino-americano aparece na lista, que ainda não foi totalmente divulgada. E se depender de Frémaux, não é só isso que irá faltar no evento. O diretor afirmou que irá lançar uma campanha contra as selfies no tapete vermelho, segundo ele, além de serem ridículas, as mesmas atrasavam o evento.

Coen

Contaremos também com a estreia de alguns filmes, como “Mad Max – Estrada da Fúria“, de George Miller, “O Pequeno Príncipe“, de Marc Osborne, “Divertida Mente”, de Pete Docter e Ronaldo Del Carmen e “Irrational Man“, de Woody Allen. Nas sessões da meia noite, serão apresentados “Office”, de Hong Won-Chan e o documentário “Amy”, de Asif Kapadia, sobre a falecida cantora Amy Winehouse.

Dentre os principais indicados para a Palma de Ouro, estão Gus Van Sant (Com “Sea of Trees“), Todd Haynes (Com “Carol”) e Nanni Moretti (Com “Mia Madre“). Além de Moretti, Matteo Garrone (Com “Il racconto dei racconti”) e Paolo Sorrentino (Com “La giovinezza”) também representam a Itália na lista.

Da Ásia se destacaram Hsiao Hsien (Com “A assassina”), o japonês Hirokazu Kore-Eda (Com “Umimachi diary – Our little sister”) e com o chinês Jia Zhang-Ke (Com “Mountains may depart”). Alguns nomes da França também foram indicados, como Valérie Donzelli, Maiwenn e Jacques Audiard (Com “Marguerite et Julien”, “Mon Roi” e “Dheepan”, respectivamente).

Nas sessões especiais teremos “A Tale of Love and Darkness”, uma adaptação do livro de Amos Oz, que marca a estreia de Natalie Portman como diretora. Outro destaque é “Amnesia”, de Barbet Schroeder.