Lista: Filmes que revolucionaram o cinema

Nesta minha nova postagem, vou fazer algo um pouco diferente do que estou habituado. Antes de continuar minha análise sobre o filme “O Nascimento de uma Nação”, indicarei cinco filmes que marcaram a história do cinema. Filmes que trouxeram consigo marcos históricos como também renovações estéticas para o cinema.

These stills were issued in 1998 as part of Warner Bros. 75th Anniversary

1. A Chegada do Trem à Estação (L’Arrivée d’un train à La Ciotat):

Gravado em 1895 pelos irmãos Lumiére, o filme que tem duração de um minuto apresenta um único plano em perspectiva diagonal registrando a chega do trem na estação de La Ciotat. A obra entrou para a história no dia 6 de janeiro de 1986 quando foi exibido Salão Indiano, sendo considerado assim a primeira exibição pública comercial de um filme.

2. The Story of the Kelly Gang

12kelly gang

A obra foi exibido em 1906 e dirigida por Charles Tait. Entrou para a história da sétima arte por ser considerado o primeiro longa-metragem da história do cinema. A película foi um sucesso e Charles Tait obteve um bom lucro com o filme.

3.  O Nascimento de uma Nação (The Birth of Nation)

birthofanation7

Em 1915, o diretor norte-americano D. W. Griffth lança o longa-metragem “O Nascimento de uma Nação”. O filme, mesmo com duração de 4 horas, na época de sua exibição, conseguiu um público extraordinário mais de 1 milhão de espectadores. A obra trouxe consigo inovações técnicas e estéticas que acabaram formulando a linguagem cinematográfica.

4. O Cantor de Jazz (The Jazz Singer)

Jazz-Singer-1

Produzido pela Warner e dirigido por  Alan Crosland, foi a primeira obra cinematográfica a utilizar o equipamento conhecido como  Vitaphone. A obra foi lançada em 1927, entrando para a história do cinema como o primeiro filme falado.

5. Bwana Devil

bwana_devil_robert_stack_arch_oboler_005_jpg_efpu

A partir da década de 50, os aparelhos de televisão invadem os lares norte-americanos, fazendo com que o cinema entrasse em uma crise profunda, pois o público agora preferia ficar na comodidade de suas casas assistindo à TV. Tal acontecimento obrigou a indústria cinematográfica a se renovar e trazer consigo novos inventos tecnológicos que atraíssem a atenção novamente do público. Surgi então, em 1952, o filme Bwana Devil, que trazia consigo uma nova forma de literalmente “ver” cinema, já que trazia consigo o 3D anáglifo.