Miss Potter (2006) foi o primeiro filmes em 2012. Ok, ok. Confesso. Faltavam algumas horas para 2012, mas o clima já era de ano novo. E vocês não vão me condenar por algumas poucas horas, certo?

Comprei esse filme há meses (talvez mais de um ano) e ele estava esperando minha disponibilidade para assisti-lo desde então. Após emprestá-lo para a sessão de cinema do Hospital Severino Lopes, uma colega de trabalho responsável pela exibição dos filmes me fez sentir quase uma herege por nunca tê-lo visto. Então tá, né? Assisti-o, afinal!

Já tenho uma quedinha por Renée Zellweger e Ewan McGregor, e o enredo já era do tipo encantador, então o diretor Chris Noonan não precisou de muito mais para me fazer aprovar o seu trabalho.

Miss Potter narra a história da escritora inglesa Beatrix Potter que viveu entre o fim do século XIX e o início do século XX. Beatrix é uma das mais famosas escritoras infantis, e é conhecida por seus personagens serem sempre animais. O filme é cativante por trazer uma Beatrix que durante a infância não pensava em casar, mas em ser cada vez mais talentosa e que sustenta um sonho até a fase adulta, quando, solteira, finalmente realiza-se por conseguir publicar seu primeiro livro. Se eu contar o resto, posso acabar dando spoiler a quem pretende assistir o filme, então passemos para outros aspectos.

O filme faz bem o estilo de Amor e Inocência, sobre a famosa escritora Jane Austen, e todos esses filmes de histórias reais cujo enredo se passa entre os séculos XIX e XX. É fofinho, ameno, tem trilha sonora bonitinha e concentra-se mais nas relações humanas e sentimentais que em uma ação apelativa para prender o espectador. Portanto, se você não tem paciência para filmes lentos, não assista. Mas por ser lento, não significa que é tedioso. Ao contrário. O diretor e o roteirista usam artifícios para não passar essa impressão a quem assiste através de flashbacks e cenas não tão demoradas. Na verdade, eles conseguem que o espectador, não importa de que geração seja, se prenda a Beatrix Potter, seus devaneios, anseios e dramas pessoais. E o melhor é que o filme não precisa de um final previsível (chega a ter um anti-clímax) para ter o esperado “final feliz”.

Não vou dar nota, mas gostei de Miss Potter. É doce e ideal para um sábado à tarde.

Filme: Miss Potter

País: Estados Unidos

Duração: 92 minutos

Ano: 2006

Direção: Chris Noonan

Roteiro: Richard Maltby Jr.

Com Renée Zellweger, Ewan McGregor, Emily Watson

Imdb: http://www.imdb.com/title/tt0482546/

 

Obs: Não achei o link para postar para vocês 🙁 Mas se alguém realmente quiser, deixa um comentário que eu tento subir o filme em algum servidor e colocar aqui, tá? 🙂

Deixe um comentário

Your email address will not be published.