A cerimônia de premiação dos BAFTAs, concedidos pela Academia Britânica de Artes da Televisão e do Cinema, realizada no último domingo, 8, chegou ao fim premiando Boyhood em três das categorias principais: melhor filme, melhor diretor para Richard Linklater, e melhor atriz coadjuvante para Patricia Arquette, que recebeu o prêmio com a marcante frase de homenagem à Linklater: “Você tornou uma história normal em extraordinária”.

Stephen Fry foi o apresentador da noite

Stephen Fry foi o apresentador da noite

O maior vencedor em número da noite foi, contudo, O Grande Hotel Budapeste, de Wes Anderson, que arrematou o prêmio de melhor roteiro original (ocasião em que foi lido por Ralph Fiennes um engraçado bilhete enviado por Wes Anderson) e outros quatro merecidos prêmios técnicos.

Os prêmios de melhor ator e melhor atriz seguiram a maré e foram concedidos para Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo) e Julianne Moore (Para Sempre Alice), respectivamente. Uma surpresa, contudo, que fugiu à regra das categorias de animação de outras premiações, foi a vitória de “Uma aventura LEGO”, merecida, na minha opinião.

A premiação também contou com várias homenagens, que eram apresentadas nos intervalos das premiações. Uma delas veio em forma de prêmio para a “BBC Films”, por sua contribuição para o cinema britânico.

Contudo, como premiação de cinema que é premiação de cinema precisa ter um apresentador engraçadinho com piadas sem graça, momentos estranhos e quotes imprevisíveis, o Bafta também teve alguns momentos épicos, destaco: Cuba Gooding Jr. beijando o apresentador Stephen Fry e Julianne Moore declarando em alto e bom som que estava com fome antes de anunciar um prêmio (quem pode julgá-la? depois de um red carpet de três horas e uma premiação de duas…).

1423437079-e06d061a77a7bde916b8a91163029d41-1038x576

Confira abaixo a lista completa de vencedores da premiação britânica:

Melhor filme – Boyhood
Melhor diretor – Richard Linklater (Boyhood)
Melhor ator – Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo)
Melhor atriz – Julianne Moore (Still Alice)
Melhor ator coadjuvante – J.K. Simmons (Whiplash: Em Busca da Perfeição)
Melhor atriz coadjuvante – Patricia Arquette (Boyhood)
Melhor filme britânico – A Teoria de Tudo
Melhor filme britânico de estreia de um roteirista, diretor ou produtor – Pride
Melhor filme em língua não-inglesa – Ida (Polônia)
Melhor longa animado – Uma Aventura LEGO
Melhor documentário – CitizenFour
Melhor roteiro original – O Grande Hotel Budapeste
Melhor roteiro adaptado – A Teoria de Tudo
Melhor trilha sonora original – O Grande Hotel Budapeste (Alexandre Desplat)
Melhor fotografia – Birdman (Emmanuel Lubezki)
Melhor edição – Whiplash: Em Busca da Perfeição (Tom Cross)
Melhor figurino – O Grande Hotel Budapeste (Milena Canonero)
Melhor som – Whiplash: Em Busca da Perfeição (Thomas Curley, Ben Wilkins, Craig Mann)
Melhores efeitos visuais – Interestelar (Paul Franklin, Scott Fisher, Andrew Lockley)
Melhor maquiagem – O Grande Hotel Budapeste (Frances Hannon)
Melhor curta animado britânico – The Bigger Picture
Melhor curta britânico – Boogaloo And Graham
Melhor atriz/ator em ascensão – Jack O’Connell
Melhor design de produção – O Grande Hotel Budapeste

2 Responses

Deixe um comentário

Your email address will not be published.