Cena do clipe "Problem", de Ariana Grande e Iggy Azalea, considerada o melhor lançamento de 2014 e indicado a "Melhor Colaboração"

Cena do clipe “Problem”, de Ariana Grande e Iggy Azalea, considerado  o melhor lançamento de 2014 e indicado a “Melhor Colaboração”

Na terceira parte sobre o VMA começaremos a falar das principais indicações. São aquelas em que o público escolhe o artista ganhador do Astronauta de Prata. Neste ano, muitos criticaram a ausência das cantoras Jennifer Lopez, Britney Spears, Shakira e Lady Gaga nas premiações, pois produziram excelentes clipes em 2013 e 2014.

Além disso, muitos não gostaram das poucas indicações de Katy Perry. A super produção de “Roar” foi bastante elogiada e se tornou um dos clipes mais assistidos do canal Vevo.


Sobre o VMA 2014:


Vamos falar sobre os artistas que vão concorrer na categoria “Artist To Watch”, que em português quer dizer algo como “Artistas para observar” cujo prêmio é concedido para aquele considerado a revelação do ano. Apresentaremos as novas bandas e cantores (as).

Com um pop rock estilo McFly e Simple Plan, a banda australiana 5 Seconds of Summer tomou conta das rádios americanas e das paradas da Billboard, graças à canção “She Looks so Perfect”. Surgiu na Austrália, em 2011, e começaram a postar videos fazendo covers de algumas músicas no YouTube.

Australianos do 5 Seconds of Summer estouraram nos Estados Unidos com o single "She Looks So Perfect"

Australianos do 5 Seconds of Summer estouraram nos Estados Unidos com o single “She Looks So Perfect

É formada pelos integrantes Luke Robert Hemmings, Calum Thomas Hood, Michael Gordon Clifford e Ashton Fletcher Irwin. Eles já abriram alguns shows da band britânica One Direction.

Charli XCX é uma outra candidata à revelação do ano que não é americana, mas inglesa. Seu nome é Charlotte Emma Aitchison e a moça lançou seu primeiro álbum de estúdio, “True Romance”, no final do ano passado (ela já tinha feito um disco anteriormente, aos 14 anos, mas nunca comercializado).

Já realizou parcerias com algumas artistas, como a dupla do Icona Pop (a canção “I Love It” foi composta por Charli), Iggy Azalea (com a música “Fancy”) e Marina and The Diamonds. Neste ano, ela bombou com a música “Boom Clap”, que está na trilha sonora do filme “A Culpa é das Estrelas”.

Após o retorno da moda de boys bands, facilmente voltariam a surgir as bandas de meninas, estilo Spice Girls e Pussycat Dolls. Nos Estados Unidos apareceram as meninas do Fifth Harmony, formadas durante a temporada de 2012 do reality show “The X Factor”.

Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane, Lauren Jauregui e Normani Hamilton lançaram, em 2013, o single “Miss Movin On”. O vídeo já possui mais de 55 milhões de visualizações no Vevo. Recentemente, elas lançaram uma nova música de trabalho, intitulada de “Bo$$”.

Integrantes do Fifith Harmony se conheceram no reality show "The X-Factor"

Integrantes do Fifith Harmony se conheceram no reality show “The X-Factor”

Sam Smith é um cantor de 22 anos, vindo da Inglaterra. Começou a sua carreira em 2012, quando colaborou no single “Latch”, da banda de música eletrônica Disclousure. No ano seguinte, ele participou da canção “La La La”, do DJ Naughty Boy. Ambas as músicas entraram nas paradas britânicas. Em maio deste ano, Smith lançou o single chamado “Stay With Me” e já tem 40 milhões de visualizações no YouTube.

Schoolboy Q é outro cotado para ser o artista revelação. É um rapper americano cujo nome de batismo é Quincy Matthew Hanley. Faz parte do grupo chamado Black Hippy, formado por novos rappers da Costa Oeste americana.

Em 2014, Schoolboy Q lançou o seu terceiro trabalho solo, intitulado de “Oxymoron”, e a canção “Man of the Year”, canção que lhe fez indicado ao VMA, foi seu segundo single, entrou no top 100 da Billboard e foi usada como trilha sonora do game “NBA Live 14”.

Parcerias

O VMA também oferece um prêmio para aquelas canções que contaram com participações e deram certo. A canção “Problem”, de Ariana Grande e Iggy Azalea, possui mais de 100 milhões visualizações no Vevo e foi considerada como o melhor lançamento em 2014.

Drunk in Love” foi o segundo single do novo álbum de Beyoncé, lançada no final do ano passado. Tem a parceria de Jay Z, marido da cantora. Não é a primeira vez que o casal interpreta uma canção juntos, eles já fizeram isso com “Bonnie & Clyde”, “Crazy In Love”, “Hollywood” e “Déjà Vu”. O sensual clipe da música já tem quase 200 milhões de visualizações.

Cena do clipe "Drunk In Love" de Beyoncé e Jay Z

Cena do clipe “Drunk In Love” de Beyoncé e Jay Z

Beyoncé já ganhou a categoria “Melhor Colaboração” com a canção “Telephone”, da cantora Lady Gaga, e “Beautiful Liar”, de Shakira.

“The Monster” é uma canção que faz parte do oitavo disco do rapper Eminem e repete a o dueto com a Rihanna, que cantaram pela primeira vez juntos em “Love Way You Lie” e depois com “Numb”.

Outra canção candidata ao astronauta de prata é “Timber”, do rapper Pitbull e Ke$ha. A música fez tanto sucesso, que a banda The Band Perry realizou um cover, com uma batida puxada mais para country. A versão poder ser conferida aqui.

A MTV foi bastante criticado por ter fornecido apenas duas indicações para Katy Perry. A canção “Dark Horse” está inclusa nesta categoria. A música tem quatro milhões de cópias digitais vendidas apenas nos Estados Unidos.

O último candidato de melhor parceria é “Loyal”, canção interpretada pelos rappers Lil Wayne, Tyga e Chris Brown, lançada como o quarto single do álbum “X”, de Brown. O clipe conta ainda com a aparição dos cantores Usher, Trey Songz e Ty Dolla.

Prêmio Clubland e Mensagem Social

Calvin Harris

Calvin Harris

Clubland é um programa semanal da MTV americana e seu foco é tocar canções da música eletrônica que são sucessos nos clubes noturnos. Por isso, tem uma categoria especial nesta edição do VMA. Os indicados para o prêmio Clubland são: “Summer”, de Calvin Harris; “Grab Her”, da banda “Disclosure”; “Turn Down for What”, do DJ Snake e Lil Jon; “Animals”, de Martin Garrix; e Hayley Williams e Zedd com canção “Stay the Night”.

O VMA também elogia aquelas canções ou clipes que trazem uma mensagem social, esta categoria surgiu em 2011 e a primeira vencedora foi com Lady Gaga, que usou “Born This Way” como o hino contra o bullying.

Neste ano, os indicados exibem mensagens de superação, humanidade e auto-estima. “Pretty Hurts”, da Beyoncé, está como candidata e o clipe retrata uma mulher (interpretada pela cantora) que faz loucuras para conseguir um título de beleza e, mesmo assim, não se sente bonita.

Três candidatos trazem o estímulo para dar uma voltar por cima, que é “Battle Cry,” de Haze, que fala sobre como ela superou o seu passado turbulento. O segundo é “Dirty Laundry” de Kelly Rowland, na qual Rowland responde sobre as acusações de que tinha inveja da carreira solo de Beyoncé (eram integrantes do Destiny’s Child) e do abuso doméstico que sofreu de um namorado.

David Guetta também está na disputa com “One Voice”, o objetivo era estimular a união das pessoas para pedir paz e o fim da fome e extrema pobreza. Já J.Cole e TCL, no vídeo “Crooked Smile”, fez uma crítica sobre o caso Aiyana Jones que foi morta acidentalmente por um policial durante uma ação na periferia de Detroit.

2 Responses

Deixe um comentário

Your email address will not be published.