Extra! Nova cinebiografia de Steve Jobs terá Christian Bale como protagonista

O cinema terá uma nova chance para se redimir com a memória de Steve Jobs. De acordo com uma nota postada hoje (20/3) no site “The Wrap”, o diretor escolhido para levar a vida de Jobs às telonas foi David Fincher, responsável por grandes sucessos de público e crítica como “O Curioso Caso de Benjamin Button” (2010) e “A Rede Social” (2011).  Embora Fincher não tenha ainda sido confirmado pela Sony Pictures, ele já teria cogitado ninguém mais, ninguém menos do que Christian Bale para protagonizar o longa sobre o fundador da Apple.

Christian Bale (esquerda) pode ser o novo protagonista de "Jobs"
Christian Bale (esquerda) pode ser o novo protagonista de “Jobs”. Foto: Papel Pop

Aaron Sorkin assumirá o roteiro. Coincidência ou não, Fincher e Sorkin foram parceiros nas mesmas funções em “A Rede Social”, outro filme sobre o mundo da informática. Sorkin se saiu melhor, levando o Oscar e o Globo de Ouro de melhor roteiro adaptado e melhor roteiro, respectivamente. Para a nova cinebiografia, o roteirista já adiantou a estrutura do roteiro: três atos de 30 minutos, nos quais Jobs será acompanhado nos bastidores do lançamento da NeXT (empresa criada por Jobs na década de 80), do MacBook, e do iPod. Para garantir abordagem verídica à obra, a Sony fechou contrato com Steve Wozniak, cocriador da Apple.

E o filme com Ashton Kutcher?

Apesar do orçamento modesto, um filme sobre o sócio-fundador da empresa mais valiosa do mundo atualmente não iria passar despercebido pelos holofotes. Ainda mais quando foi anunciado que “Jobs” seria protagonizado por Kutcher. A semelhança entre os dois impressionou todos os fãs – seja do cinema, seja de Jobs. Mesmo assim, o roteiro foi bastante superficial ao abordar a personalidade e os principais fatos da vida do nome da Apple.

Cartaz oficial de "Jobs", filme de 2013 com Kutcher
Cartaz oficial de “Jobs”, filme de 2013 com Kutcher

O filme com Kutcher tem um ar independente porque é a Sony Pictures a detentora dos direitos para transformar a biografia autorizada de Steve Jobs em longa-metragem. O livro foi escrito pelo jornalista Walter Isaacson (ex-editor da revista Time e da CNN) e foi resultado de uma série de entrevistas com o fundador da Apple, além de familiares, amigos e concorrentes. Ainda não há data para o início das filmagens.