O Iluminado: O clássico de suspense de Kubrick

Os clássicos nunca perdem a qualidade. O Iluminado vem de um livro homônimo de horror de Stephen King, escritor americano mundialmente conhecido. O filme foi lançado em de novembro de 1980 e seu diretor foi Stanley Kubrick. Stephen pôs esse título por causa de uma música do beatle John Lennon, chamada Instant Karma!, que tem um trecho em que ele canta “we all shine on…”. Originalmente, o título seria The Shine, mas na época, “shine” era um termo pejorativo para os negros.

Cartaz do filme, com Jack Nicholson e Shelley Duvall.

Conta a história do casal Jack Torrance (Jack Nicholson) e Wendy Torrance (Shelley Duvall) e seu filho Danny (Danny Lloyd), uma família que decide passar o inverno em um hotel no Colorado, pois o pai, além de ser escritor, foi contratado para tomar conta do hotel pelo período. Aos poucos, a convivência saudável da família dá lugar à mudanças de comportamento, más lembranças, discórdias com já esquecidos perdões e uma série de ansiedade e angústia que evoluem em proporção catastrófica.  Danny não é apenas uma criança normal, mas sim um “iluminado” que mostra seus dons de prever acontecimentos futuros e passados através do seu amigo imaginário, Tony. Sua mãe, Wendy, pensa que o filho está doente e pede a ajuda do seu marido já não tão saudável Jack. Este, por sua vez, vai se tornando agressivo a cada dia que passa, pois não quer sair do hotel e não permite que sua família também saia. O resultado é desastroso.

O filme não nega a influência principal dos espíritos sobre o comportamento da família, mas o que faz, no entanto, Jack querer matar a esposa e o filho a machadadas, também é consequência de um isolamento entediante, resultando em alucinações e provavelmente em Síndrome da Cabana, doença que faz com que pessoas revoltem-se entre si quando isoladas por muito tempo. Ainda há o detalhe de Danny ser “iluminado”, fato marcante em uma das cenas mais famosas do filme, inclusive, que é quando o garoto está explorando o hotel em seu velocípede e  vê duas irmãs o convidando para brincar, mas ao mesmo tempo, ele as vê mortas. É uma cena referência, pois é uma das mais longas de todo o cinema.

Cena em que Danny encontra as gêmeas.

Outro ponto inegável é a atuação de Jack Nicholson, que se entregou ao papel de uma maneira brilhante, chegando até mesmo a afirmar que nunca conseguiu se livrar por completo dos trejeitos do personagem. O ator dominava as cenas com seus olhares que propagava uma atmosfera maligna, sorrisos doentios acompanhados de uma educação e cortesia impecáveis, voz doce que cantarolava músicas de ninar, enquanto havia um machado em suas mãos. Sem ele, não há dúvidas que o filme não teria atingido a repercussão que conseguiu.

Jack Nicholson em cena. Sinta.

O Iluminado é um filme envolvente, simples em termos técnicos, com um roteiro riquíssimo e assustador. Você sairá dele abalado, cheio de dúvidas, mas também maravilhado. O download pode ser realizado aqui.