Os Simpsons completam 27 anos, conheça a história do início da série

No dia 19 de abril de 1987, há 27 anos, os Simpsons apareceram pela primeira vez na televisão, criados pelo cartunista norte-americano Matt Groening. Ele resolveu satirizar certos costumes dos Estados Unidos a partir de uma família disfuncional e nomeou os personagens com os nomes de seus parentes.

Os Simpsons apareceram pela primeira vez na televisão em uma esquete do programa da humorista Tracey Ullman
Os Simpsons apareceram pela primeira vez na televisão em uma esquete do programa da humorista Tracey Ullman

O seriado conta o cotidiano nada normal do casal Homer e Marjorie “Marge” Simpson e de seus três filhos, Bart, Lisa e a bebê, Maggie. Eles vivem numa pequena cidade chamada Springfield, que é um nome comum de 22 cidades americanas. A equipe d’O CHAPLIN conta um pouco sobre como foi o nascimento da sitcom animada e vai comentar sobre o primeiro episódio.


Os Simpsons Temporada 0 Episódio 1 Dublado PT/BR por DejoneFerreira

A família norte-americana mais famosa no mundo deu os primeiros sinais em uma esquete do programa The Tracey Ullman Show. O episódio, com poucos minutos de duração, se chama “Boa Noite”, em que se conta a dificuldade do Homer e Marge colocarem os seus três filhos para dormir. É basicamente um episódio de apresentação dos personagens e pode ser considerado levemente engraçado.

matt groening
Matt Groening, criador dos Simpsons, batizou os personagens com os nomes de seus familiares

O vídeo mostra a família um pouco diferente do que estamos acostumados a ver. A justificativa é que Matt apresentou apenas esboços aos produtores, presumindo que eles iriam ser melhorados ao longo do processo de produção.

A ideia da animação surgiu quando Groening foi chamado para fazer curtas que funcionariam como quadros do programa da humorista anglo-americana Tracey Ullman. Inicialmente, a proposta seria fazer a versão animada de ‘Life in Hell’, uma tirinha que ele fazia para os jornais estadunidenses. Contudo, o cartunista mudou de ideia na última hora e mostrou outra proposta aos produtores da série.

tracey ullman
Primeira versão da família Simpson

Groening não sabia que aquele simples esquete de uma família com pele amarelada e quatro dedos simplesmente tirou o pensamento de que desenho animado era só para criança, revolucionou a cultura popular norte-americana, inspirou várias animações para adultos e ainda atraiu milhões de pessoas em audiência apenas nos Estados Unidos.

Essas apresentações no Tracey Ullman Show duraram três temporadas e tiveram 48 episódios. O curta final, “TV Simpsons”, foi exibido originalmente em 14 de maio de 1989. Sete meses depois, no dia 17 de dezembro de 1989, a família ganhou um próprio programa de televisão, com episódios de duração de trinta minutos (incluindo os intervalos).

Por ter sido em dezembro, o primeiro episódio solo dos Simpsons foi um especial de Natal. Seu título, “Simpsons Roasting on an Open Fire” (em português, o nome é “Simpsons assando na lareira”), é uma paródia da canção “The Christmas Song”, conhecida como “Chestnuts Roasting on an Open Fire”.

O enredo é narrado da seguinte forma: Marge juntou dinheiro o ano inteiro para as compras natalinas, mas teve que gastar tudo para remover a tatuagem realizada por Bart. Homer Simpson, por sua vez, descobre que não receberá uma gratificação natalina da Usina Nuclear de Springfield. Escondido, ele consegue um emprego como Papai Noel de uma loja, porém não é o suficiente. Então, Homer comete diversas loucuras para conseguir o dinheiro para não deixar a família sem presente.

 

Esta estreia já mostra algumas características que tornaram o desenho famoso, como o jeito grosseirão do Homer, as malandragens do jovem Bart, a mãe atenciosa que é Margie, a rivalidade com Ned Flanders, o lado inteligente de Lisa, entre outras características.

O objetivo de Groening ao criar o programa era oferecer ao público uma outra alternativa para assistir no horário nobre, ele afirmava que a programação naquela época estava um lixo. O lançamento dos Simpsons era muito temido pela FOX, porque o canal não sabia se o público aguentaria 30 minutos de desenho.

primeiro episodio solo
Imagem do primeiro episódio oficial da família Simpson, exibido no dia 17 de dezembro de 1989

Inicialmente, a emissora sugeriu que, ao invés de episódios de meia hora, fossem produzidos três curtas de 7 minutos e quatro especiais até que o desenho pudesse cativar a audiência. Porém, a estreia foi assistida por milhões de pessoas somente em solos americanos. Então, o canal pediu mais 13 episódios.

Uma coisa peculiar do primeiro episódio é que ele não tem a conhecida abertura que deixou a animação famosa, por ter sido um especial natalino. A estreia da família Simpson foi indicada para dois Emmy Awards em 1990, nas categorias de melhor programa de animação e melhor edição de uma minissérie ou especial. Além disso, foi um sucesso de crítica.

É um episódio engraçado, que traz reflexões sobre a importância do feriado natalino. Um dos momentos divertidos é quando os alunos da Escola Primária de Springfield mostram os “papais noéis” do mundo, nesta parte eles “cutucaram” a Rússia em um período final da Guerra Fria.

Este episódio foi exibido recentemente pela Fox do Brasil, quando lançaram o especial “Os Simpsons – Desde o Começo”. Todo dia é exibido os primeiros episódios de cada ano até o dia 27 de abril, quando estreia a nova temporada.

Atualmente

rchp
Grupo Red Hot Chili Peppers participaram da sitcom animada

A série possui 548 episódios e já falaram sobre quase todos os tipos de tema, como casamento de pessoas do mesmo sexo, guerras, política, celebridades, entre tantos outros. Já tiveram também participações de diversos artistas, como a banda Red Hot Chili Peppers, a cantora Lady Gaga e o jogador Pelé. Por causa disso, o livro dos recordes registrou que o desenho possui maior quantidade de participações especiais. Também já venceu inúmeros prêmios desde a sua estreia, incluindo 27 Emmys, 30 Annies e um Peabody. É o programa que está há mais tempo no horário nobre americano.

Os Simpsons é considerado como um dos melhores programas de televisão de todos os tempos e já recebeu uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood, Los Angeles. Além disso, a marca “Os Simpsons” é estampada em diversos produtos, como DVDs, CDs, alimentos, filme, videogames e entre outros. Inspirou muitas séries de animação no horário nobre, como South Park, Family Guy (considerada a maior concorrente do sitcom) e American Dad.

Devido ao humor ácido, os Simpsons já se envolveram em algumas polêmicas. As atitudes nada convencionais fizeram com que muitas personalidades criticassem o desenho, alegando que a saga familiar poderia estimular “mau comportamento” nas crianças. Por conta disso, já foi censurado ou tiveram o horário restringindo em alguns países, como é o caso da Venezuela. No Irã, por sua vez, é proibido vender bonecos relacionados com os personagens da animação.

O comportamento dos Simpsons já virou pesquisa em várias universidades, que analisaram o seriado com estudos em sociologia, filosofia, psicologia, política e entre outros campos de pesquisa.